BLOG - #brsinforma

blog image

Você já teve dores de cabeça por não ter acesso à energia elétrica? Se respondeu sim, não se preocupe, você passa por uma situação que é comum a centenas de pessoas. Fique atento ao nosso texto, pois mostraremos que uma solução para os seus problemas pode ser a utilização de energia solar fotovoltaica!

 

Uma das grandes vantagens do sistema de energia solar fotovoltaica é que ele se adapta às suas necessidades, se configurando em duas modalidades de geração: on-grid e off-grid. Em outros momentos explicamos como funcionam os sistemas conectados à rede da distribuidora local (on-grid) e mostramos como são vantajosos em regiões abastecidas pela rede elétrica convencional. Hoje apresentaremos o funcionamento dos sistemas desconectados da rede elétrica.

 

Os sistemas off-grid são comumente utilizados no fornecimento de energia para locais remotos, como propriedades rurais, onde o custo de acesso à rede elétrica é elevado. Utilizar um sistema como este é economicamente viável e vantajoso quando comparado à expansão da rede elétrica convencional, com custos para implantar fiação e outros aparatos para utilização da rede da distribuidora mais próxima, e também se comparado aos gastos com manutenção e abastecimento de geradores movidos a combustíveis fósseis.

 

O seu funcionamento é bem simples, ele se divide em três blocos, ao invés de dois como na geração on-grid, que são:

 

Bloco gerador: Placas solares, cabos e suportes.

Bloco de condicionador de potência: inversor e controlador de carga.

Bloco de armazenamento: baterias.

 

Portanto, como novidade vemos que no sistema off-grid está presente o bloco de armazenamento, onde a energia produzida é armazenada para garantir o fornecimento de eletricidade a noite ou em dias nublados e chuvosos. Durante os dias ensolarados, quando a produção de energia supera o consumo, o excedente gerado abastece as baterias para que não falte energia nos momentos em que não há geração.

 

Por ser um sistema de produção de energia isolado, ele não tem como alternativa utilizar outras fontes além da solar fotovoltaica, sendo assim totalmente dependente da produção diária e do banco de baterias a noite, o que requer um dimensionamento e um planejamento bem detalhados.

 

É preciso levar em conta a demanda de energia sobre o sistema e as características climáticas do local, ou seja, dimensionar corretamente quais aparelhos serão conectados ao sistema, o tempo de uso de cada um e o clima local (quais períodos são mais chuvosos etc.). Isso garante que o fornecimento de eletricidade pelo sistema não seja interrompido e não falte energia local.

 

Além de abastecer residências e aparelhos eletrônicos, este tipo de geração é também utilizada em outros pontos para desempenhar funções específicas como a eletrificação de cercas, postes de iluminação ou, como já apresentado por nós, no bombeamento de água.

 

Portanto, vimos que as vantagens do sistema de energia solar fotovoltaica off-grid são diversas. Esta é uma forma eficiente e economicamente viável de gerar energia nas localizações de difícil acesso, onde a dificuldade e os custos de se obter eletricidade são altos. A produção é ainda ininterrupta, não sofrendo com quedas de energia e espera de manutenção de equipamentos por parte da distribuidora. É também uma forma limpa de geração, dispensando o uso de combustíveis poluentes e geradores que demandam manutenções e abastecimentos periódicos.

 

E aí, o sistema off-grid se encaixa em suas necessidades? Peça seu orçamento gratuito com nossa equipe agora!